Lançamento | Pôr do Sol


Sobre os Selos

A folha é composta por 15 fotografias de Pôr do Sol, contemplando as 5 regiões do Brasil, sendo 3 fotos de cada região. As técnicas utilizadas foram fotografia e computação gráfica.


Pôr do Sol

O sol! A grande estrela do nosso sistema que nos aquece, nos ilumina, nos dá energia, calor e alegria. Afinal, quem é que não se pegou olhando o céu com o astro-rei e não sorriu? Em cada aparição o sol traz novidades para nos revigorar. O sol e a Terra juntos fazem uma dança perfeita, um espetáculo de cores, nuances, estações, tudo no compasso dando o ritmo da vida.

Cientificamente, nosso planeta realiza um movimento de rotação, girando ao redor dele mesmo, enquanto também gira lentamente em translação ao redor do sol, e a cada volta que ele dá ao redor de si dura 24 horas. O cálculo para saber o horário exato que ocorrerá o pôr do sol é baseado em fórmulas de astronomia, que calcula a duração do dia, para qualquer lugar do planeta. Após o cálculo divide-se este tempo em 2 partes, subtraindo uma parcela do meio-dia, para obter o nascer do dia e somando a outra parcela igual ao meio dia, para obter o horário do pôr do sol. Há casos em que é necessário se fazer uma correção de alguns minutos caso a cidade não fique exatamente em cima do meridiano do fuso horário local. Entretanto, apesar de todos os cálculos, o pôr do sol é aquele momento em que o astro se esconde na linha do horizonte, anunciando o início da noite e se despedindo de mais um dia. Na natureza, é hora de repousar para recomeçar. Também é oportunidade de encerrar os deveres e trabalhos diários e viver os prazeres.

Como podemos entender o significado deste fenômeno para além de um evento científico? O Pequeno Príncipe, personagem do famoso livro de Antoine de Saint-Exupéry de mesmo nome, afirma: “as pessoas deveriam ver o pôr do sol pelo menos uma vez por dia”. O pôr do sol é aquele tipo de acontecimento que arranca suspiros, que nos faz pausar tudo que estamos fazendo para apenas observar. É unânime o efeito embasbacador que este lindo espetáculo da natureza tem em todos nós. Não à toa, foram criados espaços para que os carros possam estacionar, os quartos de hotéis cuja vista estão posicionados para o oeste são mais caros, casamentos, declarações, episódios românticos costumam acontecer nesse horário, as histórias dos livros o usam como cenário, e as fotografias tiradas dele costumam surpreender.

Contemplado, admirado, ovacionado, o pôr do sol traz paz, calma, uma imensa sensação de gratidão por tudo que foi realizado, conquistado, vivido. É simultaneamente o fim e o recomeço. Uma nova chance de se fazer diferente, de acalmar a mente e sermos a nossa melhor versão quando ele reaparecer. No Brasil, país vasto e de paisagens diversas, ele pode ganhar múltiplas formas, cores e reflexos, a depender das características naturais e urbanas de cada região.

Homenageado nas várias expressões artísticas, como filmes, músicas, poesias, versos, pinturas, o sol agora ganha forma inédita também em nossa arte em miniatura com esta emissão especial Pôr do sol que traz as cinco regiões do Brasil representadas em 15 fotografias demostrando a riqueza e a diversidade nacional pelo olhar peculiar de cada autor.

Resultado de uma ação de endomarketing em que o público interno dos Correios teve a oportunidade de apresentar o pôr do sol através sua lente, esta emissão tem um quê todo especial por valorizar o que os Correios tem de melhor: os empregados. As cinco regiões do Brasil foram muito bem representadas em fotografias únicas. Ao todo, foram mais de 1.000 inscritos. Dentre as inscrições válidas foram: 37% do Sudeste, 25% do Nordeste, 20% do Sul, 10% Centro-Oeste, 8% Norte. Inicialmente a emissão contaria com um selo de cada região, mas com tantas fotografias expressando as diferentes belezas do Brasil, este número triplicou. E, assim, contamos com o trabalho estampado em selos dos 15 artistas nomeados a seguir.

Para a Região Norte, Rosinaldo Azevedo Santos, capturou um momento belíssimo na Praia da Beja, em Abaetetuba, Pará. Já o estado do Tocantins foi representado pela foto de Neivo Soares Guimarães da Praia da Graciosa, em Palmas, às margens do rio Tocantins e um local de diversão e apreciação do pôr do sol na cidade. Já Francisco Ronaldo Neves da Silva nos proporciona um belo clique direto do Amazonas, da cidade Presidente Figueiredo.

No Nordeste, Mônica Alves Guimarães nos presenteia com seu olhar sobre a praia do Mosqueiro, em Aracajú, Sergipe, um dos balneários mais bonitos e visitados da região. Na Bahia, Márcia Tereza Dias de Oliveira registrou a Barra do Itariri, em Conde, onde o rio se encontra com o mar. Patrícia Fernandes Cardoso escolheu o fim do dia no maravilhoso arquipélago de Fernando de Noronha, em Pernambuco.

No Centro-Oeste, os 3 escolhidos são do estado de Goiás. Rauphe Cassimiro da Silva fez o registro do crepúsculo alaranjado e púrpura, típico do cerrado, em Acreúna. Já Carlos Moura Júnior mostrou o Rio São Francisco refletido nas cores douradas do fim do dia, em Quirinópolis. O pôr do sol no Jardim de Maytrea, da mística cidade de Alto Paraíso, na Chapada dos Veadeiros foi capturado em tons avermelhados pela lente de Virggillius Giorggius Esttacius Ferreira Maia.

O Sudeste é representado com a bela foto de Ana Paula Soares de Ouro Preto, na qual o sol se esconde atrás da paisagem natural e da arquitetura típica desta cidade histórica de Minas Gerais. Os raios solares refletidos na água são o grande destaque da fotografia de Priscila Verginia de Campos Frattini, tirada na Praia Grande de Arraial do Cabo, no Rio de Janeiro. O pôr do sol paulista, da cidade de Presidente Epitácio, ganha intensidade e beleza pela lente de Ariane Cristina Dutra.

Na região Sul, Antônio Sérgio de Sena Vaz fez um clique dos moinhos de vento do Albardão, na cidade de Rio Grande, Rio Grande do Sul, emoldurados por reflexos encarnados. A capital gaúcha aparece pelas lentes de Ayrton Castro de Oliveira, em um interessante encontro do rio com o sol. Já Lucy Juliana Reiter Kleinowski retrata uma composição única em uma paisagem urbana e campestre.

Nossa Emissão Especial Pôr do Sol tem o lançamento no Dia do Sol, 03 de maio de 2022, e vem para iluminar e deixar a Filatelia ainda mais colorida e cheia de boas energias.


Detalhes Técnicos

Edital nº 3

Fotos:

Rosinaldo Azevedo Santos

Neivo Soares Guimarães

Francisco Ronaldo Neves da Silva

Mônica Alves Guimarães

Márcia Tereza Dias de Oliveira

Patrícia Fernandes Cardoso

Rauphe Cassimiro da Silva

Carlos Moura Júnior

Virggillius G. E. Ferreira Maia

Ana Paula Soares

Priscila Verginia C. Frattini

Ariane Cristina Dutra.

Antônio Sérgio de Sena Vaz

Ayrton Castro de Oliveira

Lucy Juliana Reiter Kleinowski

Processo de Impressão: Ofsete e cor

especial

Papel: cuchê gomado

Folha com 15 selos

Valor facial: 1º Porte da Carta

Tiragem: 150.000 selos

Área de desenho: 40 x 30mm

Dimensão do selo: 40 x 30mm

Picotagem: 11,5 x 12

Data de emissão: 3/5/2022

Locais de lançamento: Abaetetuba-PA, Belém-PA, Palmas-TO, Presidente Figueiredo-AM, Boa Vista-RR, Aracaju-SE, Conde-BA, Salvador-BA, Rio de Janeiro, Fernando de Noronha-PE, AcreúnaGO, Quirinópolis-GO, Alto Paraíso-Go, Goiânia-GO, Ouro Preto-MG, Arraial do Cabo-RJ, Presidente Epitácio, SP, São Paulo-SP, Bauru-SP, Porto Alegre-RS, Florianópolis-SC e Fortaleza-CE

Impressão: Casa da Moeda do Brasil


edital_3_2022_por_do_sol
.pdf
Download PDF • 136KB

4 visualizações

Posts recentes

Ver tudo